O erro ortográfico e o copo lagoinha

Expectativa se escreve com ‘x’, não com ‘s’; ninguém nasaliza a primeira vogal, mas chimpanzé tem ‘m’; em ‘não o vejo a meses’, a gente deve usar o verbo ‘haver’ e não a preposição ‘a’; e  ‘agente’ se escreve separado ‘a gente’. Ok. Agora, nenhum desses erros é mais grave do que servir vinho em copo lagoinha. Esse é o tema desta postagem.

Todo o sofrimento que se sente quando se usa algum desses desvios gráficos não tem nenhuma importância linguística. Nos três casos, compreende-se perfeitamente o que se quer dizer e as acusações que se faz contra quem os produz, quando dessa forma acontecem, são motivadas pela necessidade de auto-afirmação do acusador. Algo assim: você errou, burro; e eu, brilhante, não erro. Estudos recentes publicados no site da Revista do Instituto de Educação da Universidade de Lisboa [revista.educ.fc.ul.pt]  indicam que a forma com a qual se faz a correção é fundamental no efeito resultante; cito:

“Estudos posteriores vieram demonstrar que o feedback piora o desempenho dos alunos quando se foca na auto-estima e auto-imagem dos alunos, ou seja, quando consiste na formação de juízos de valor. Porém, conduz a melhores desempenhos quando se centra naquilo que é necessário fazer para que os alunos melhorem o seu desempenho e quando são dadas informações sobre como o fazer.”

Por isso, mais vale apenas orientar o uso do que criar toda uma celeuma sobre tema. Se se argumenta que corrigir, dar feedback, é algo importante, isso deve ser feito com cuidado e sem muito alarde, porque se assim for feito o resultado não é bom. Vale orientar para se buscar a forma correta no dicionário ou apenas apresentá-la. Atenção: a internet não é boa referência para isso, porque pode ter páginas com a seguinte entrada: ‘xxx não é a forma certa de escrever yxx’; e aí, bau-bau: lê-se na tela e julga-se correto.  Esse comentário que aqui sugiro vale para os ensinos fundamental, médio e universitário.

Agora, servir vinho tinto em copo lagoinha é imperdoável; e olha que eu não bebo.

Anúncios

Sobre Pedro Perini-Santos

linguista.
Esse post foi publicado em Artigos sobre linguística e marcado . Guardar link permanente.

4 respostas para O erro ortográfico e o copo lagoinha

  1. hahahahahaha… providenciarei taças para suco e refrescos! Não quero cometer a gafe de lhe receber com o vaso errado para determinada bebida. Sei de suas exigências e excentricidades. Mas por favor me corrija sempre, acho que você faz isso com grande maestria e senso de humor. Poque se tem pioi no cassoro agente tem que tirá!
    Abç,
    Fidel

  2. Valéria Ruiz disse:

    Muito elegante seu artigo, Pedro. A questão de como “corrigir” alunos, sem tocar na auto-estima deles é bem pertinente e interessante. Merece desenvolvimento e disseminação na Universidade.
    Quanto ao copo lagoinha e o vinho, posso também entender como metáfora, mesmo que não seja etílica!

  3. myrtita kras disse:

    Pedro…tem post me remete ao tema das diferenças, dos contextos em que elas aparecem e como são narradas. O senso comum atribui um dualismo que contrapõe polaridades: erro x acerto; adequado x inadequado; capaz x incapaz; eficiente x deficiente. Esta atitude não permite uma justaposição, não favorece a agregação. Antes, promove a segregação. Em sala de aula, os discursos que promovem a hegemonia dos grupos dominantes reforçam a idéia do erro, de modo a manter o status quo de domínio. Não estar atento a esse importante aspecto no ato pedagógico dificulta a superação das barreiras atitudinais que circunscrevem a exclusão. No paradigma inclusivo, a opção seria ampliar os olhares que se têm sobre os eventos, oferecendo alternativas outras sobre as diferentes formas de se representar o mundo através da linguagem. Porém, compartilho com tua preocupação quanto à apresentação deste que pra mim é o néctar dos deuses…não tomo vinho em copo de prástico!!! Há determinadas situações não negociáveis, não se pode nem fazer concessões..rssss

  4. Elga disse:

    “E olha que eu não bebo”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s